Search
  • Camilo Sequeira

Estudante campeã de Olimpíada Internacional de Matemática visita Cristo Redentor pela primeira vez

Updated: Jan 12

Adrieny Teixeira conheceu o cartão-postal da cidade na manhã desta quinta-feira junto de sua mãe.


Gilberto Porcidonio 26/12/2019 - 20:42 / Atualizado em 26/12/2019 - 21:09


Adrieny Teixeira visitou o Cristo Redentor pela primeira vez com sua mãe, Janaína dos Santos Foto: Divulgação.


RIO - Estar no topo tem sido, ultimamente, uma sensação bem familiar para a estudante Adrieny Teixeira, de 15 anos. Moradora de Vicente de Carvalho e aluna do Colégio Pedro II do Centro, a jovem ficou em evidência após, dentre 1.100 estudantes de todo o mundo, se tornar a única mulher a arrebatar a medalha de ouro na World Mathematics Team Championship, a olimpíada internacional de matemática que aconteceu na China há um mês. Porém, ainda faltava conhecer dois símbolos da cidade que ela representou tão bem: o Morro do Corcovado e o Cristo Redentor.

LEIA MAIS:De volta da China, onde venceu olimpíada de matemática, aluna do Pedro II sonha com faculdade no exterior

Adrieny, que é uma das indicadas ao Prêmio Faz Diferença, do GLOBO, encarou a manhã quente desta quinta-feira e se maravilhou com o passeio e com a altura do ponto turístico. Para quem já atravessou o mundo em tão tenra idade, a sensação de conhecer um pouco mais sobre a sua cidade foi, em suas sempre tão bem calculadas palavras, incrível. Para suprir isso, só mesmo fazendo muitas fotos e selfies mesmo com a grande estátua.

— Conhecer o Corcovado superou minhas expectativas. Foi uma sensação emocionante, maravilhosa. Por incrível que pareça, eu já fui na Grande Muralha na China, que é uma das sete maravilhas do mundo, mas o Cristo, que é aqui pertinho, nunca — se maravilha Adrieny, que já tinha ido ao Teleférico do Alemão achando que era Pão de Açúcar, que ainda não conhece.


'Conhecer o Corcovado superou minhas expectativas', disse Adrieny Foto: Divulgação


Quem acompanhou a estudante laureada foi a sua mãe, Janaína dos Santos, que mal se lembrava do ponto turístico por só ter pisado lá quando era bem pequena, durante um passeio de escola.


— Eu quase nem me lembrava direito e, ter foto, muito menos. Foi maravilhoso, principalmente, estar ao lado da minha filha que nunca tinha ido. Ver o encantamendo dela foi o melhor de tudo. Agora falta conhecermos o Pão de Açúcar. Eu também nunca fui — espera Janaína.

O convite, que caiu como um presente de Natal tardio, foi feito por Camilo Sequeira, da agência de turismo Wowtour Experience. Foi através da matéria do GLOBO que o empresário português ficou sabendo da história de Adrieny e que a adolescente tinha vontade de conhecer o Cristo e outros lugares bonitos e significativos do Rio. Assim, ele convidou ela e sua mãe para realizar uma visita com ele na manhã desta quinta-feira.


— A história dela me emocionou porque temos várias coincidências. Eu também sou de origem humilde, gosto muito de matemática, cursei Engenharia como ela deseja e também fui aluno do Pedro II do Centro. Eu cheguei de Portugal com 12 anos em 1961 e vim direto para estudar — disse o empresário.


Camilo também presenteou a adolescente com o livro "Amor e matemática", do matemático russo Edward Frenkel, uma de suas obras preferidas. No livro, o professor da Universidade da Califórnia relata, de forma apaixonada, a sua história e paixão pelos números ao aproximar os conceitos matemáticos da vida prática e da filosofia:


— Esse pode ser um caminho dela para um PhD. Ela é muito simpática e é uma menina que vai ter um grande futuro. Vai ser um orgulho para todos nós.

0 views
PARTNER

© 2019 Wowtour Experience.

ASK ABOUT THINGS TO DO IN RIO
CONTACT

+55 21 99135-1648

Rio de Janeiro, Brazil

  • Branca Ícone LinkedIn
  • Facebook
  • Instagram
  • Youtube
  • Pinterest
  • Twitter